3 Coisas que Deus quer que você faça diante das crises mais difíceis

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Mensagem de Ânimo e Força

No capítulo 29 do livro do profeta Jeremias vemos relatado que Deus ordena que fosse enviada uma carta ao próprio povo de Deus (os Israelitas) que estava no cativeiro na Babilônia e passava por um momento de grave crise: 

“São estas as palavras da carta que Jeremias, o profeta, enviou de Jerusalém ao resto dos anciãos do cativeiro, como também aos sacerdotes, aos profetas e a todo o povo que Nabucodonosor havia deportado de Jerusalém para a Babilônia” (Jeremias 29:1).

Nessa carta Deus traz importantes instruções a eles, que haviam sido entregues pelo próprio Deus para serem escravos na Babilônia devido seu mau procedimento diante do Senhor. 

Na carta Deus os ensina o que deveriam fazer naquele momento de crise em que estavam vivendo. E as orientações que Deus dá a eles certamente também ajudam a cada um de nós que também passamos por esses momentos difíceis em nossas vidas. Vamos aprender o que fazer nas crises?

3 Coisas que Deus quer que você faça diante das crises mais difíceis

3 Coisas que Deus quer que você faça diante das crises

(1) Aja ao invés de reagir

A primeira atitude do povo de israel diante da grave crise em que passavam foi reagir da pior forma possível. Começaram a ouvir falsos profetas que diziam que logo voltariam para suas casas. 

Pararam totalmente suas vidas, reagiram parando tudo e vivendo uma vida medíocre. O salmos 137:2 nos mostra um pouco dessa realidade, quando mostra o povo totalmente desanimado: 

“Nos salgueiros que lá havia, pendurávamos as nossas harpas”. 

Já não havia mais alegria, as harpas, símbolos de festividade, de música, de louvor, estavam penduradas sem uso. Mas a carta de Deus os ensina o que deveriam fazer em meio à crise:

“Edificai casas e habitai nelas; plantai pomares e comei o seu fruto. Tomai esposas e gerai filhos e filhas, tomai esposas para vossos filhos e dai vossas filhas a maridos, para que tenham filhos e filhas; multiplicai-vos aí e não vos diminuais” (Jeremias 29:5-6). 

A ordem de Deus é uma ação de continuidade. Deveriam olhar para frente e não se abater diante da grave crise que iriam passar! Não havia espaço para reações erradas e ruins. Deus queria uma ação positiva deles!

(2) Seja biblicamente realista

O povo enganava a si mesmo, quando alimentava em seus corações falsas esperanças, contrárias aos ensinos de Deus: 

“Porque assim diz o SENHOR dos Exércitos, o Deus de Israel: Não vos enganem os vossos profetas que estão no meio de vós, nem os vossos adivinhos, nem deis ouvidos aos vossos sonhadores, que sempre sonham segundo o vosso desejo” (Jeremias 29:8). 

Deus já havia revelado que esse cativeiro duraria setenta anos. Deus chama esse povo a crer na palavra Dele e não em falsas revelações que apenas iriam levá-los para piores cenários de crise. 

Precisamos aprender a crer no que Deus diz sobre nossas crises, sobre nossas dificuldades, crer nas promessas e não nos iludir com aquilo que não é a verdade. 

Essa atitude é importante para que sejamos fortes para passar pelas crises que Deus permite em nossas vidas! Mas exige que voltemos nosso foco a conhecer a Palavra de Deus com mais profundidade.

(3) Foque os olhos na esperança

Apesar de uma crise difícil, Deus deixa claro que ela teria hora de acabar: “Assim diz o SENHOR: 

“Logo que se cumprirem para a Babilônia setenta anos, atentarei para vós outros e cumprirei para convosco a minha boa palavra, tornando a trazer-vos para este lugar” (Jeremias 29:10). 

Deus tem propósitos em nossas vidas! Teremos sim que passar por crises em nossas vidas, mas elas irão terminar em algum momento, pois a promessa de Deus não falha. 

Aquele povo deveria continuar suas vidas, agindo de forma positiva em meio à crise, crendo na palavra que o Senhor deu e alimentando uma esperança viva de que Deus estava com eles na crise e que Ele mesmo, o Senhor, os tiraria dessa crise quando chegasse o momento certo. 

Alimente a esperança nas crises. Esperança tem a ver com fé, pois a fé é crer em coisas que não se veem, mas que se esperam (Hebreus 11:1). Tenha fé e molde suas ações de acordo com o que Deus deseja!

E para fechar com chave de ouro essa abençoada orientação, o Senhor diz em Sua carta ao povo sobre como Ele queria fazer-lhe bem e como o caminho estaria aberto a todos aqueles que cressem no Senhor e O buscassem de verdade: 

Eu é que sei que pensamentos tenho a vosso respeito, diz o SENHOR; pensamentos de paz e não de mal, para vos dar o fim que desejais. Então, me invocareis, passareis a orar a mim, e eu vos ouvirei. Buscar-me-eis e me achareis quando me buscardes de todo o vosso coração” (Jeremias 29:11-13).

O resultado de passar pela crise como Deus quer é que estaremos com Ele antes, durante e depois, colhendo a nossa vitória dia a dia e glorificando o nome Dele!

3 Coisas que Deus quer que você faça diante das crises mais difíceis 1

MAIS LIDAS DA SEMANA

Deixe um comentário