Diagnosticada como bipolar, mulher que teve relações com mendigo revela recuperação dolorosa

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram

Ela recebeu alta recentemente após um surto psicológico explicado por um diagnóstico de bipolaridade. A esposa do personal trainer Eduardo Alves teve que mudar de cidade e vender sua loja – principal fonte de renda – após a repercussão do ocorrido.

Diagnosticada como bipolar, mulher que teve relações com mendigo revela recuperação dolorosa 1

Em março do ano passado, Sandra estava em surto psicológico e teve relações sexuais com o morador de rua Givaldo de Souza. Seu marido, o personal trainer Eduardo Alves, espancou o mendigo. A história acabou ganhando grande repercussão na mídia.

“Ele me expôs”

Algumas semanas depois da história, Givaldo de Souza deu uma entrevista ao site Metrópoles onde relatou com detalhes a relação sexual de ambos. Enquanto isso, Sandra estava hospitalizado se recuperando do surto psicológico.

“Ele me expôs como mulher, como ser humano, ele me atacou de todas as maneiras possíveis, então, ele acabou ali com a minha moral. Criaram perfis falsos em meu nome usando as minhas fotos. A população acreditou que tudo aquilo que ele falou era verdade”, disse Sandra à Folha.

Agora, Givaldo coleciona milhares de seguidores nas redes sociais e está frequentando festas de influenciadores como uma estrela.

Durante sua entrevista ao jornal paulista, a mulher relatou que tem tido dificuldade em lidar com a vida depois do ocorrido. Ela mudou de cidade e raramente sai à luz do dia por conta de diversos assédios que sofreu no período.

Transtorno bipolar

Ela relatou que durante seu surto, acreditou que estava diante da figura de Deus e que, ao fazer sexo com ele, ganharia na Mega-Sena. Depois de ser avaliada por médicos, constatou-se que Sandra é bipolar e que o surto foi a primeira manifestação grave do transtorno  em sua vida.

Busco na justiça os meus direitos”, dispara Sandra, esposa do personal no caso do “mendigo” - Jornal de Brasília

“É uma doença grave, né? Para mim, é tudo muito novo. Hoje sei que tudo aquilo que passei era por conta de uma doença que eu já carregava. Olhando para trás, tenho consciência que episódios que eu tive faziam parte da doença que eu já tinha e não sabia”, completou.

A empresária conseguiu uma liminar judicial para impedir que Givaldo fale dela na imprensa e nas redes sociais. Além disso, Sandra criticou o machismo envolvido na repercussão do caso, que se tornou um dos principais assuntos do Brasil nos últimos meses.

🙏 Envie esse texto para pessoas queridas ❤️
Compartilhar no whatsapp
ENVIE PARA ALGUÉM
Compartilhar no whatsapp
ENVIAR PARA GRUPO

Deixe um comentário

Rolar para cima